REME - Revista Mineira de Enfermagem

ISSN (on-line): 2316-9389
ISSN (Versão Impressa): 1415-2762

QUALIS/CAPES: B1
Periodicidade Continuada

Enfermagem UFMG

Busca Avançada

Volume: 17.1

 

 

Editorial

1 - Considerações sobre a publicação na REME: desafios e perspectivas

Considerations about publication in REME: challenges and perspectives

Tania C. M. Chianca; Maria Piedade F. R. Leite

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):08-11, Jan/Mar, 2013

Pesquisa

2 - Percepção dos usuários da atenção básica acerca da consulta de enfermagem

Primary care users' perception of the nursing consultation

Patrícia Alves de Souza; Renata Cristina Rocha Batista; Stefania da Fonseca Lisboa; Verônica Botelho da Costa; Luzimar Rangel Moreira

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):12-23, Jan/Mar, 2013

A Consulta de Enfermagem (CE) caracteriza-se como prática privativa do enfermeiro, o que lhe proporciona condições para atuar de forma direta e totalmente independente, uma vez que utiliza métodos científicos para identificar situações de saúde/doença. A proposta com este estudo foi abordar a CE no contexto da atenção primária à saúde com o objetivo de compreender quais são as percepções dos usuários da atenção básica sobre a CE. Trata-se de uma pesquisa qualitativa e exploratória, realizada com 29 usuários do Sistema Único de Saúde de Belo Horizonte-MG, no mês de julho de 2011, por meio de entrevista individual semiestruturada. As informações foram analisadas conforme a técnica da Análise de Conteúdo proposta por Bardin, da qual emergiram quatro categorias: a percepção dos usuários sobre o profissional enfermeiro; a comunicação na CE; o enfermeiro e a educação em saúde; e o enfermeiro da atenção básica como integrante da ação multidisciplinar. Os resultados mostraram que os usuários enxergam o enfermeiro como um profissional acolhedor, o que favorece uma aproximação dele com o usuário. Notou-se, também, que durante a CE o enfermeiro estabelece uma comunicação satisfatória e promove a educação em saúde. Por fim, percebeu-se que os usuários reconhecem o enfermeiro como integrante ativo da equipe multidisciplinar. Concluiu-se que a CE é um importante instrumento de que a enfermagem dispõe para investir na promoção e prevenção de agravos à saúde. Além disso, ficou visível que há uma escassez de estudos que abordam este tema na comunidade científica.

Palavras-chave Enfermagem; Atenção Primária à Saúde; Referência e Consulta; Percepção.

The Nursing Consultation (NC) is characterized as the nurse's own practice, providing the conditions for this professional to act directly and independently, using scientific methods to identify health/disease situations. This study was carried out to assesss the NC in the context of primary health care in an attempt to elucidate how users users of primary care services perceive the NC. This is a qualitative, exploratory study with 29 users of the Unified Health System in the city of Belo Horizonte - MG using semi-structured individual interviews conducted in July 2011. The data were analyzed according to content analysis techniques proposed by Bardin, from which four categories emerged: Users' perceptions of the nurses; Communication in the Nursing Consultation, Nurses and Health Education; Nurses in Primary Care as Part of a Multidisciplinary Team. The results showed that users see nurses as a professional who is welcoming, which favors their approaching the users effectively. We also noted that during the NC the nurse is able communicate efficiently to promote health education. Finally, it we also noted that users recognize the nurses as active members of the multidisciplinary team. We conclude that the NC is an important tool that the nursing staff possess and that they should invest in it to promote health and prevent diseases. It also became apparent that there are still very few studies addressing this theme in the scientific literature.

Keywords Nursing; Primary Health Care; Referral and Consultation; Perception.

3 - A visão do companheiro da mulher com histórico câncer de mama

The partner vision of the women with history of breast cancer

Sumaya Giarola Cecilio; Jacqueline de Barros Sales; Naiara Pinto Alves Pereira; Luciana de Lourdes Queiroga Gontijo Netto Maia

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):24-32, Jan/Mar, 2013

Trata-se de um estudo qualitativo, descritivo, baseado nos depoimentos de companheiros de mulheres com histórico de câncer de mama, do município de Divinópolis-MG. O objetivo foi conhecer o sentimento desses parceiros no processo natural da doença, tratamento e cura. A análise do conteúdo das falas dos parceiros resultou em cinco categorias: os sentimentos vivenciados ao longo do processo natural da doença: a convivência com a companheira mastectomizada, a crença nos avanços da ciência, a confiança depositada na equipe de saúde e a fé como suporte na trajetória da doença para a cura. Como impacto da doença nos parceiros, destaca-se a presença de sentimentos ambíguos, como medo, tristeza, esperança, fé e alegria, de acordo com cada etapa vivenciada. Os resultados estimulam a criação de estratégias de suporte para esses parceiros e para a família na tentativa de conseguir manter uma sólida base familiar que possa assegurar o bom andamento do tratamento e cura dessas mulheres.

Palavras-chave Neoplasias da Mama; Relações Familiares; Cônjuges; Percepção; Pesquisa Qualitativa.

This is a descriptive and qualitative study based on the perceptions of the spouses of women with a history of breast cancer who lives in Divinópolis, Minas Gerais, in order to know the partners' feelings about the natural process of disease, treatment and cure. The content analysis from partners'speeches has resulted in five categories: feelings experienced during natural process of disease, living with a partner submitted to mastectomy, the belief in the progress of science, trust in the health team and faith to support the course from disease to cure. The spouses impact of the disease included the presence of mixed feelings as fear, sadness, hope, faith and joy, according to each step of the experience. The results encourage the development of strategies to support these partners and family members on maintaining the family basis in order to ensure a good progress of treatment and cure for these women.

Keywords Breast Neoplasms; Family Relations; Spouses; Perception; Qualitative Research.

4 - Fatores associados à hipertensão arterial em usuários de serviço de promoção à saúde

Factors associated with arterial hypertension among users of a health promotion service

Cristilene Batista Salomão; Luana Caroline dos Santos; Aline Dayrell Ferreira; Aline Cristine Souza Lopes

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):33-46, Jan/Mar, 2013

Trata-se de estudo transversal com o objetivo de identificar fatores associados à hipertensão arterial sistêmica (HAS) entre usuários > 20 anos que ingressaram em um serviço de promoção à saúde de Belo Horizonte-MG entre fevereiro a setembro de 2007. Foram coletados dados demográficos, antropométricos, morbidade referida e hábitos alimentares. Dentre os 300 indivíduos avaliados, 87,3% eram mulheres, com média de idade de 50,2±14,2 anos. Houve elevada prevalência de morbidades e hábitos alimentares desfavoráveis. Foram fatores associados à HAS: entre os adultos - idade >40 anos (OR=11,1 IC95%:3,6-34,3), excesso de peso (OR=8,0; IC95%:2,0-31,2), diabetes (OR=5,0; IC95%:2,0-12,8) e hábito de "beliscar" entre as refeições (OR=2,6; IC95%:1,3-5,4); e para os idosos, o sobrepeso (OR=2,9; IC95%:1,0-8,4). Identificaram-se exposições modificáveis que possivelmente contribuíram para o desenvolvimento da HAS, principalmente entre os adultos. Sugere-se que esses fatores sejam trabalhados com o objetivo de contribuir para a prevenção e melhor controle da HAS.

Palavras-chave Hipertensão; Obesidade; Promoção da Saúde; Hábitos Alimentares; Saúde Pública.

This is cross sectional study to identify factors associated with systemic arterial hypertension (SAH) among users >20years who enrolled in health promotion service of Belo Horizonte-MG, between February and September 2007. Data were collected demographic, anthropometric, reported morbidity and dietary habit. Among the 300 individuals evaluated, 87.3% were women, mean age 50.2±14.2 years. High prevalences of morbidities and unfavorable dietary habits were observed. The followingfactors were associated with SAH: among adults - age > 40 years (OR=11.1; 95%CI:3.6-34.3), excess weight (OR=8.0; 95%CI:2.0-31.2), diabetes (OR=5.0; 95%CI:2.0-12.8) and "nibbling" between meals (OR=2.6; 95%CI:1.3-5.4); and among elderly, overweight (OR=2.9; 95%CI:1.0-8.4). Modifiable exposures were identified that possibly contributed to the development of SAH, particularly among adults. It is suggested that these factors should be worked on, to contribute towards prevention and better control over SAH.

Keywords Hypertension; Obesity; Health Promotion; Food Habits; Public Health.

5 - Representações sociais de portadores de hipertensão arterial sobre a doença: o discurso do sujeito coletivo

Social representations of patients with arterial hypertension about the disease: the discourse of the collective subject

Geovana Brandão Santana Almeida; Elisabete Pimenta Araújo Paz; Girlene Alves da Silva

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):47-61, Jan/Mar, 2013

O objetivo com este artigo foi analisar as representações dos usuários de serviços básicos de saúde portadores de hipertensão arterial sobre a doença e a maneira como se cuidam. Utilizou-se a entrevista semiestruturada para os portadores da doença. Os dados foram organizados utilizando-se a técnica do Discurso do Sujeito Coletivo e a teoria das representações sociais para sua interpretação. Os resultados revelaram conhecimento insuficiente dos usuários sobre a hipertensão arterial e os meios para o controle e tratamento da doença. Reconhecem a hipertensão como uma patologia grave, que pode trazer grandes consequências quando não tratada. As dificuldades estruturais dos serviços contribuem para desmotivar o usuário a participar de ações de promoção em saúde. Tais resultados indicam a necessidade de intensificação das ações assistenciais que sensibilizem os portadores da doença para a busca pelo controle consciente da hipertensão.

Palavras-chave Hipertensão; Cuidados de Enfermagem; Unidade Básica de Saúde.

This article has the goal to analyze the representations of patients with arterial hypertension who are users of health basic services about this disease and the way they take care of themselves. We used the semi-structured interview for these patients and data were organized using the collective subject discourse technique and the theory of social representations was used to interpret the data. The results revealed users' insufficient knowledge about arterial hypertension and ways of control and treatment of this disease. They recognize hypertension as a serious illness that may cause great consequences when it is not treated. The structural difficulties of the services contribute to discourage the user from participating in actions to promote health. These results indicate the need for intensification of care activities that sensitize the patients in order to have the conscious control of hypertension.

Keywords Hypertension; Nursing Care; Basic Health Unit.

6 - Trabalho em equipe: o significado atribuído por profissionais da estratégia de saúde da família

Teamwork and its meaning to professionals working in the family health strategy program

Adriana Santana de Souza Navarro; Raphaella Lima de Souza Guimarães; Mara Lúcia Garanhani

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):62-76, Jan/Mar, 2013

O objetivo com esta pesquisa foi compreender o significado do trabalho em equipe para os profissionais da Estratégia de Saúde da Família (ESF). Trata-se de pesquisa qualitativa, na qual foram utilizadas entrevistas semiestruturadas com oito profissionais da área da saúde. A análise evidenciou o significado de trabalho em equipe como um trabalho familiar e idealizado, uma relação de ajuda, um trabalho hierárquico e um trabalho coletivo. Foram apontados, também, dificuldades, agravantes, benefícios e sugestões relacionadas ao trabalho em equipe. Os resultados possibilitaram reflexões sobre a complexidade do trabalho em equipe e a necessidade de capacitação para o desenvolvimento de competências interpessoais e de trabalho em grupo.

Palavras-chave Trabalho em Equipe; Equipe Multiprofissional; Estratégia de Saúde da Família; Relacionamento Interpessoal; Processo de Trabalho; Pesquisa Qualitativa.

The purpose of this study was to understand the meaning of teamwork to Family Health Strategy Program professionals. It is a qualitative research; semi-structured interviews with eight health professionals were conducted. Study analysis highlighted the teamwork as family work, helping relationship, hierarchical and collective work. It also pointed out difficulties, conflicts, benefits and suggestions related to teamwork. The results enabled reflections on the complexity of teamwork and the need for training in order to develop interpersonal skills and team work strategies.

Keywords Teamwork; Multidisciplinary Team; Family Health Strategy; Interpersonal Relationships; Work Processes; Qualitative Research

7 - Percepção dos enfermeiros da estratégia saúde da família sobre o uso da fitoterapia

Perception of the nurses from health family strategy about the use of phytotherapy

Larissa Alves Sampaio; Dayanne Rakelly de Oliveira; Marta Regina Kerntopf; Francisco Elizaudo de Brito Júnior; Irwin Rose Alencar de Menezes

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):77-85, Jan/Mar, 2013

A utilização de plantas medicinais é bastante difundida em todo o mundo inclusive no Brasil, onde há grande variedade de espécies e extensa tradição em sua utilização. Objetivou-se, com esta pesquisa, conhecer a percepção dos enfermeiros sobre o uso da fitoterapia na Estratégia Saúde da Família. Trata-se de estudo descritivo exploratório, de abordagem qualitativa, desenvolvido em Crato-CE, com 15 enfermeiros. Empregou-se o método de análise temático-categorial. Foram construídas seis categorias e duas subcategorias, nas quais foram descritos o conhecimento dos profissionais sobre a fitoterapia, a visão deles sobre o uso na atenção básica, a utilização dessa prática e as estratégias desenvolvidas para seu uso. Os resultados revelaram que o conhecimento dos entrevistados é, na maioria das vezes, restrito e informal e que eles encontram dificuldades para a implantação de práticas fitoterápicas, como a não valorização por parte da gestão e do restante da equipe de saúde. Ressalte-se assim, a importância do desenvolvimento de estratégias que viabilizem a inserção segura e eficiente da fitoterapia na assistência e, consequentemente, a valorização da cultura local.

Palavras-chave Atenção Primária à Saúde; Enfermagem em Saúde Comunitária; Fitoterapia.

The use of medicinal plants is widespread around the world including Brazil, where there are several species and a large tradition in their use. It was aimed to know the perception of the nurses about the use of phytotherapy in Health Family Strategy (HFS). Exploratory descriptive study, qualitative approach, developed in Crato-CE with fifteen nurses from HFS. It was employed the Theme-Category Analysis. It were constructed six categories and two subcategories which were described the knowledge of professionals about phytotherapy, their views about use in primary care, the use of this practice and the strategies developed for this use. The results revealed that the knowledge of the interviewees mostly is narrow and informal, and they find difficulties to implement phytotherapy practices such as no valuation by the management and the rest of the health group. It should be emphasized as well the importance of developing strategies that enable the safe and efficient integration of phytotherapy in care and thus the appreciation of local culture.

Keywords Primary Health Care; Community Health Nursing; Phytotherapy.

8 - Diferenças na atenção pré-natal nas áreas urbanas e rurais do Brasil: estudo transversal de base populacional

Antenatal care differences in brazilian urban and rural areas: a cross-sectional population-based study

Laís Santos de Magalhães Cardoso; Larissa Loures Mendes; Gustavo Velásquez-Meléndez

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):86-101, Jan/Mar, 2013

Com este artigo, objetivou-se comparar a assistência pré-natal realizada nos contextos urbano e rural brasileiros. Mediante delineamento transversal, de base populacional, foram utilizados dados de uma subamostra - 588 mulheres - retirada do universo amostral da Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher (PNDS) de 2006. Foram analisadas as variáveis demográficas, socioeconómicas e de saúde referentes a procedimentos de assistência pré-natal preconizados pelo Programa de Humanização do Pré-natal e Nascimento (PHPN). Para o tratamento e a análise dos dados, utilizou-se o software Stata, versão 9.0, com o emprego do teste qui-quadrado e nível de significância de 5% (p<0,05). Os resultados revelaram diferenças significativas entre os contextos urbano e rural brasileiros no que se refere à escolaridade (p=0,0071) e à renda domiciliar bruta (p=0,0001) das gestantes; à posse de plano ou convênio de saúde (p=0,0023); à realização de teste para sífilis (p=0,0293); e à hepatite B (p=0,0424); à oferta para teste de HIV/aids (p=0,0132) e toxoplasmose (p=0,0452). Os melhores resultados foram sinalizados para as gestantes domiciliadas em zona urbana. Identificou-se acesso insatisfatório, em ambos os locais de residência, a procedimentos para a prevenção de deficiências nutricionais, vacinação antitetânica e número de consultas de pré-natal preconizado. Apontou no estudo, portanto, que a qualidade da assistência pré-natal ofertada em ambas as situações de domicílio apresentou-se comprometida em alguns aspectos e a assistência pré-natal dispensada na área rural mostrou-se ainda menos adequada.

Palavras-chave Saúde da Mulher; Cuidado Pré-Natal; Desigualdades em Saúde; Análise Quantitativa.

This study aimed to compare prenatal care delivered in urban and rural Brazil. A cross-sectional population-based survey was conducted based on Children and Women's Health and Demography National Survey - PNDS 2006 data and refer to a sample of 588 women. The software Stata, version 9.0, was used on data analysis. The qui-square test was used to verify prevalence differences between pregnant woman living in Brazil's rural and urban areas regarding a) socioeconomic and demographic situation and; b) accomplishment of the procedures of prenatal care, according to Prenatal and Birth Humanization Program - PHPN. It was considered the level of significance of 5%. Results revealed differences in relation to women schooling (p=0,0071) and gross household income (p=0,0001), possession of health plan (p=0,0023), the accomplishment of tests for sifilis (p=0,0293) and hepatitis B (p=0,0424), and offer for HIV (p=0,0132) and toxoplasmosis (p=0,0452) tests, pointing out the best results for pregnant women living in urban areas. In addition, unsatisfactory access to procedures for nutritional deficiencies prevention, the tetanus vaccination and the number of visits recommended for both local - urban and rural areas, were identified. This study pointed out that the quality of prenatal care offered in both households situations is deficitary. However, the prenatal care delivered in rural areas is even less adequate.

Keywords Women's Health; Prenatal Care; Health Inequalities; Quantitative Analysis.

9 - Cuidados às pessoas com úlcera venosa: percepção dos enfermeiros da estratégia de saúde da família

Care for people with venous ulcers: the perception of nurses in the family health strategy

Diego Borges do Reis; Graziella Araujo Peres; Fernanda Bonato Zuffi; Lúcia Aparecida Ferreira; Márcia Tasso Dal Poggetto

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):102-112, Jan/Mar, 2013

Trata-se de um estudo descritivo com abordagem qualitativa, cujos objetivos foram identificar o conhecimento dos enfermeiros das Equipes de Saúde da Família (ESF) do distrito sanitário III de Uberaba-MG sobre os cuidados necessários às pessoas portadoras de úlcera venosa e descrever suas percepções. Após a aprovação no Comitê de Ética, os dados foram coletados com 16 enfermeiros, por meio de entrevista semiestruturada. Utilizou-se a técnica de análise por Bardin. Na análise dos dados, surgiram três categorias: conhecimento adequado, conhecimento insuficiente e desconhecimento, relacionados ao conhecimento sobre úlcera venosa, seus cuidados, orientações e abordagem integral do portador. O conhecimento específico do profissional, sua capacitação, as melhores condições de trabalho, a utilização da integralidade e a adoção de um protocolo são essenciais para o aprimoramento dos cuidados da pessoa com úlcera venosa, diminuindo, assim, o tempo de cicatrização e os índices de recidiva.

Palavras-chave Enfermeiro; Úlcera Varicosa; Atenção Básica a Saúde; Saúde da Família; Conhecimento.

This is a descriptive study with a qualitative approach, aimed to identify the knowledge of nurses, of the Family Health Teams (FHT) from the Third Health District of Uberaba, Minas Gerais, under about the necessary care with people that suffering venous ulcers, and to describe their perceptions. After approbation by the Ethics Committee, the data were collected by 16 nurses, through semi-structured interview. Was used the technique of analysis by Bardin. In the data analyzing, there were three categories: adequate knowledge, insufficient and ignorance, related to knowledge about venous ulcer, care, guidance and comprehensive approach to the bearer. The specific knowledge of professional, their training, better working conditions, the use of the whole and the adoption of a protocol is essential for the improvement of care for venous ulcers and its bearer, reducing the healing time and recurrence rates.

Keywords Nurse; Varicose Ulcer; Primary Health; Family Health; Knowledge.

10 - "Índice de qualidade de vida de Spitzer" na população idosa: propriedades psicométricas

"Spitzer quality of life index" and the elderly population: psychometric properties

Karina Rospendowiski; Fernanda Aparecida Cintra; Neusa Maria Costa Alexandre

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):113-125, Jan/Mar, 2013

Os instrumentos genéricos de avaliação da qualidade de vida para a população idosa são escassos e apresentam limitações para essa faixa etária. O objetivo com esta pesquisa foi avaliar a confiabilidade do índice de qualidade de vida de Spitzer em idosos em seguimento ambulatorial e a validade discriminante em relação ao número de comorbidades e medicações. Trata-se de pesquisa metodológica com 200 idosos entre 60 e 89 anos, utilizando os seguintes instrumentos: caracterização dos sujeitos e índice de qualidade de vida de Spitzer. A pontuação média do escore total do Índice de Qualidade de Vida de Spitzer foi 8,0, com coeficiente alfa de Cronbach 0,55. Por meio do instrumento os idosos foram avaliados em relação ao número de comorbidades (p=0,0011) e medicamentos (p=0,0045). O estudo remete a futuras investigações a fim de verificar se a confiabilidade desse instrumento mostra valores elevados em sujeitos em condições clínicas mais graves em relação à da amostra estudada.

Palavras-chave Qualidade de Vida; Psicometria; Idoso; Enfermagem.

Generic instruments to evaluate the quality of life in the elderly population are scarce and present limitations for this age range. To evaluate the reliability of the Spitzer quality of life index in elderly individuals in follow-up at outpatient clinic and discriminant validity in relation to the number of comorbidities and medication. Methodological research with 200 elderly individuals, between 60 and 89 years of age, through the following instruments: Characterization of subjects and Spitzer Quality of Life Index. The total average score of the Spitzer Quality of Life Index was 8.0 with Cronbach's alpha coefficient of 0.55. The instrument discriminated individuals in relation to the number of comorbidities (p=0.0011) and medication (p=0.0045). Conclusion: The study refers to further research so as to verify whether the instrument reliability shows high values in individuals with clinical conditions more severe than of the studied sample.

Keywords Quality of Life; Psychometrics; Aged; Nursing.

11 - Qualidade de vida de pacientes no pós-operatório de cirurgia cardíaca

Quality of life of patients in the postoperative cardiac surgery phase

Fernanda Marcela Custódio; Renata Cristina Gasparino

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):126-135, Jan/Mar, 2013

As doenças cardiovasculares estão diretamente relacionadas aos crescentes números de pacientes que precisam ser submetidos a procedimento cirúrgico cardíaco. Tais intervenções afetam diretamente questões físicas, de produtividade, sociais e emocionais, além de trazerem sequelas, que podem acarretar difíceis mudanças de comportamento e hábitos de vida, comprometendo a qualidade de vida dos pacientes. Diante disso, o objetivo com este estudo foi avaliar a qualidade de vida de pacientes em seguimento ambulatorial numa instituição pública do interior de São Paulo. Foram abordados 38 pacientes, com idade média de 59,2 anos, que estavam em pós-operatório de cirurgia cardíaca. Aplicou-se o WHOQOL-Bref (instrumento de avaliação da qualidade de vida da Organização Mundial de Saúde) e o questionário sociodemográfico. Os sujeitos, em sua maioria, eram do sexo masculino (63,2%), casados (76,3%), não completaram o ensino fundamental (63,2%) e recebiam beneficio financeiro do governo (50%). Os escores do WHOQOL-Bref foram: domínio físico (62,9), psicológico (76,1), social (74,3), ambiental (69,2), avaliação geral da qualidade de vida (75,0) e satisfação com a saúde (73,7). Observou-se diferença significativa entre a prática de atividades físicas com os domínios físico e social. Houve, ainda, correlação significativa entre o domínio físico e idade. No domínio psicológico, foi observada diferença significante entre os sexos e no domínio meio ambiente, foram encontradas maiores médias entre os não tabagistas. Concluiu-se que os participantes apresentavam elevada percepção da qualidade de vida quando comparada a outros estudos.

Palavras-chave Qualidade de Vida; Cirurgia Cardíaca; Período Pós-Operatório.

Cardiovascular diseases are directly related to the growing number of patients that need to undergo a cardiac surgery procedure. These interventions have a direct effect on the physical, social and emotional well-being of a patient and also on his/her productivity, not to mention that they cause conditions and require drastic changes in lifestyle, which can jeopardize the patients' quality of life. Considering that, the target of this study was to analyze the quality of life of the patients in ambulatory treatment in a public institution of the countryside of the Brazilian state of São Paulo. Thirty-eight patients were approached. Their ages, on average, were 59.2 years old and they had just been through a cardiac surgery. The WHOQOL-Bref (the international cross-culturally comparable quality of life assessment instrument created by the World Health Organization) and the socio-demographic survey were answered by each patient. The majority of the patients was male (63,2%), married (76,3%), didn't finish Middle School (63,2%) and received a financial benefit from the government (50%). The WHOQOL-Bref scores were: physical issue (62,9), psychological issue (76,1), social issue (74,3), environmental issue (69,2), general evaluation of quality of life (75,0) and satisfaction with his/her health (73,7). Expressive difference was observed between the practice of physical activities and the physical and social issues. There was also significant correlation between the physical and age issues. In the psychological issue, there was a significant difference observed between genders; and in the environmental issue, the higher means were among the non-smoking people. It was possible to conclude that the patients had a positive perception of his/her quality when compared to other studies.

Keywords Quality of Life; Thoracic Surgery; Postoperative Period.

12 - Qualidade de vida relacionada à saúde de pessoas com diabetes mellitus

Health-related quality of life of people with diabetes mellitus

Thais Oliveira Santos Alves; Sônia Alves de Souza; Elze Cecília Santos Souza; Cristiane Franca Lisboa Gois; Alzira Maria Dávila Nery Guimarães; Maria Cláudia Tavares de Mattos

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):136-148, Jan/Mar, 2013

O diabetes mellitus é uma doença que apresenta alta prevalência e está relacionado às elevadas taxas de morbimortalidade. Com este estudo, objetivou-se avaliar a qualidade de vida relacionada à saúde (QVRS) de pessoas com diabetes mellitus e sua relação com sexo, idade, tempo de diagnóstico do diabetes e prática de atividade física. Trata-se de estudo descritivo, tipo transversal, no qual foi utilizado o SF-36 para avaliar a QVRS. Dentre os 170 participantes, 74,1% eram mulheres, 52,9% casados e as médias (desvio-padrão) da idade e do tempo de diagnóstico da doença foram, respectivamente, 61,8 anos (11,3) e 15,9 anos (7,9). As médias entre os componentes do SF-36 variaram de 46,2 (Capacidade funcional) a 84,8 (Aspectos sociais). Os homens apresentaram melhor avaliação da QVRS. A prática de atividade física se associou à melhor QVRS. Não se constatou associação entre QVRS, idade, estado civil e anos de diabetes. Concluiu-se que os participantes do estudo apresentaram maior comprometimento nos componentes que avaliam a saúde física.

Palavras-chave Qualidade de Vida; Diabetes Mellitus; Cuidados de Enfermagem; Doença Crônica.

Diabetes mellitus is a highly prevalent disease that is linked to high rates of morbidity and mortality. The study aimed to evaluate the health-related quality of life (HRQOL) of people with diabetes mellitus and its relation to gender, age, time spent since the diagnosis of diabetes and the practice of physical activity. This is a cross-sectional descriptive study that evaluates HRQL based on SF-36 questionnaire. Among the 170 participants, 74,1% were female, 52,9% were married, and the means (standard deviation) of age and time of diagnosis of the disease were respectively 61.8 years (11.3) and 15.9 years (7.9). The SF-36 components means ranged from 46,2 (Physical function) to 84,8 (Social function). Men have shown better assessment of HRQOL. The practice of physical activity was associated with a better HRQOL. There was no association between HRQL, age, marital status and years spent since the diagnosis of diabetes. We conclude that the study participants had greater loss in components that assess physical health.

Keywords Quality of Life; Diabetes Mellitus; Nursing Care; Chronic Disease.

13 - Impacto da implementação do acolhimento com classificação de risco para o trabalho dos profissionais de uma unidade de pronto atendimento

Impact of the implementation of patient engagement with risk classification for professional work of one urgent care unit

Kalyane Kelly Duarte de Oliveira; Kalianny Kadidja Polline Soares Amorim; Ana Paula Nunes de Lima Fernandes; Akemi Iwata Monteiro

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):149-165, Jan/Mar, 2013

Objetivou-se com este trabalho analisar o impacto da implementação do Acolhimento com Classificação de Risco (ACCR) no trabalho dos profissionais de uma unidade de pronto atendimento.Trata-se de uma pesquisa descritiva de abordagem qualitativa. A coleta de dados foi realizada na Unidade de Pronto Atendimento Dr. Tarcísio de Vasconcelos Maia, com a participação de doze profissionais: três médicos, três enfermeiros, três assistentes sociais e três técnicos de enfermagem. Os dados foram coletados por meio de um roteiro de entrevista semiestruturado e analisados de acordo com a técnica do discurso do sujeito coletivo. O trabalho foi realizado sob aprovação do Comitê de Ética da Famene/Facene, sob o nº 121/2010. Os resultados mostraram que existe conhecimento dos profissionais da UPA sobre o ACCR, citado como uma forma de humanizar o atendimento, e apontam respostas divergentes quanto à capacidade de instalação do ACCR na UPA em questão, mostrando deficiências estruturais e de pessoal. Os questionamentos revelam diversas opiniões sobre as mudanças da UPA após a implementação - por exemplo a melhoria no atendimento do paciente. O ACCR veio aperfeiçoar o atendimento das UPAs, criando ordem de atendimento segundo o maior risco de morrer e deixando o modelo de atendimento por ordem de chegada. Além disso, proporcionou humanização no atendimento, no trabalho com equipe multidisciplinar. Assim, concluiu-se que os serviços de saúde devem se interligar e buscar a atenção integral do usuário, promovendo melhorias, e toda a equipe da instituição deve engajar-se no novo dispositivo, respeitando suas normas e rotinas.

Palavras-chave Humanização da Assistência; Acolhimento; Classificação.

The paper aims to analyze the impact of the implementation of Hospitality with Risk Rating (ACCR) for working professionals an emergency care unit. This is a descriptive qualitative approach. Data collection was performed in Emergency Care Unit Dr. Tarcisio de Vasconcelos Maia, had 12 professionals as subjects: 3 doctors, 3 nurses, three social workers and three nursing technicians. Data were collected through a structured interview semi-structured, analyzed according to the technique of collective subject discourse. The work was conducted under the approval of the ethics committee of FAMENE / FACENE with number 121/2010. The results show that there is knowledge of professionals in the UPA on the ACCR, cited as a way to humanize care and point differing responses regarding the ability of the ACCR installation in UPA concerned, pointing structural deficiencies and personnel. The questions reveal different opinions about the changes after the implementation of the UPA, such as improved patient care. The ACCR came to improve the care of PSUs, creating order of service according to the highest risk of death and leaving the service model in order of arrival. As well, humanization of care provided, work with a multidisciplinary team. Thus, we conclude that health services should interconnect and seekfull attention of the user, providing improvements and the entire staff of the institution should engage the new device, respecting its rules and routines.

Keywords Humanization of Assistance; User Embracement; Classification.

14 - Qualidade dos registros dos controles de enfermagem em um hospital universitário

Quality control of patients' monitoring records in a university hospital

Vanessa Gomes Maziero; Marli Terezinha Oliveira Vannuchi; Maria do Carmo Lourenço Haddad; Dagmar Willamourius Vituri; Cristiane Nakaya Tada

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):166-177, Jan/Mar, 2013

Objetivou-se com este artigo analisar a qualidade dos registros dos controles de enfermagem realizados em uma unidade de internação de adultos de um hospital universitário. Trata-se de estudo descritivo, prospectivo, de abordagem quantitativa, realizado com base em dados secundários obtidos na Assessoria de Controle de Qualidade da Assistência de Enfermagem da instituição em estudo, referente aos meses de outubro de 2008, outubro de 2009 e julho de 2010. As anotações foram consideradas satisfatórias nos meses de outubro de 2008 e julho de 2010 e insatisfatórias em outubro de 2009. Embora houvesse melhora dos registros dos controles de enfermagem em 2010, alguns itens de extrema importância ainda foram considerados insatisfatórios. As inadequações devem ser revistas para aperfeiçoar o processo de trabalho desenvolvido pelo enfermeiro e sua equipe, garantindo registros dos controles de enfermagem fidedignos.

Palavras-chave Enfermagem; Registros de Enfermagem; Qualidade da Assistência à Saúde.

The present study aims at evaluating the quality of patient's monitoring records at an adult inpatient unit of a university hospital. It is a descriptive, prospective study using quantitative methods, based on secondary data from the hospital's Office of Nursing Care Quality for October 2008, October 2009 and July 2010. The records for October 2008 and July 2010 were considered satisfactory. The ones for October 2009 were deemed unsatisfactory. Although nursing records improved during 2010, items of extreme importance were still unsatisfactory. Such inadequacies should be addressed to improve the nursing work process and ensure reliable nursing records.

Keywords Nursing; Nursing Records; Quality of Health Care.

15 - Avaliação da implementação de novo protocolo de higiene bucal em um centro de terapia intensiva para prevenção de pneumonia associada à ventilação mecânica

Evaluation of the implementation of new protocol of oral hygiene in an intensive care center for prevention of pneumonia associated with mechanical ventilation

Alessandra Figueiredo de Souza; Aneliza Ceccon Guimarães; Efigênia Ferreira e Ferreira

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):178-192, Jan/Mar, 2013

A pneumonia associada à ventilação mecânica (PAVM) é uma das infecções hospitalares mais prevalentes na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI). Dentre os fatores de risco, destacam-se as microaspirações de microrganismos da orofaringe. A estratégia para prevenção da PAVM foi a criação do bundle da ventilação. Nem todas as estratégias, porém, estão incluídas no bundle - por exemplo, a higiene bucal. O objetivo com este trabalho foi avaliar os procedimentos de higiene bucal na prevenção da PAVM. Foram avaliados os dados secundários da comissão de controle de infecção hospitalar entre 2008 e 2011, apresentados por frequência de ocorrência, bem como a percepção dos profissionais de saúde na UTI sobre a implantação do protocolo de higiene bucal. Após assinar o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE), foi aplicado um questionário. A pneumonia foi a principal causa de infecção no CTI, de 2008 a 2010. Em 2011, após a implantação do bundle, a pneumonia deixou de liderar como a mais frequente. Em números percentuais, a redução de pneumonia após a implantação do bundle até a incorporação do protocolo de higiene bucal variou de 33,3% para 3,5%. Sobre a percepção dos profissionais sobre a inserção da odontologia na UTI, 56 profissionais responderam ao questionário, citando a higiene bucal como a segunda medida mais importante. Cem por cento dos profissionais responderam que eram favoráveis à inserção do dentista na UTI. A vasta literatura existente evidencia a eficiência do protocolo de higiene bucal na prevenção de PAVM. Recomenda-se, portanto, a inserção dessa medida no bundle.

Palavras-chave Pneumonia Associada à Ventilação Mecânica; Higiene Bucal; Clorexidina.

Ventilator-associated pneumonia (VAP) is one of the most prevalent infections in the intensive care unit (ICU). Among the risk factors we can highlight microaspiration of oropharyngeal microorganisms. A strategy for prevention of VAP was created by means of a ventilation bundle. However, not all strategies are included in the bundle, for example, oral hygiene. This study aimed to assess the importance of oral hygiene procedures in preventing VAP. We conducted a review of secondary data from the infection control committee of a hospital between 2008-2011 to assess the frequency of these occurrences. We also evaluated the perception of health practitioners in the ICU on the implementation of the oral hygiene protocol. A questionnaire was administered upon signature of the informed consent. Pneumonia was the primary cause of infection in the ICU from 2008 to 2010. In 2011, after deploying the bundle, pneumonia was no longer the most frequent. Reduction in pneumonia cases from after introducing the bundle to the incorporation of the oral hygiene protocol ranged from 33.3% to 3.5%. With regards to how practitioners perceive the presence of dentists in the ICU, 56 respondents cited oral hygiene as the second most important measure introduced. All practitioners said to they were favorable to the inclusion of dentists in the ICU. The vast literature available demonstrates the efficiency of the oral hygiene protocol in preventing VAP, so inclusion of this measure in the bundle is highly recommended.

Keywords Pneumonia, Ventilator-Associated; Oral Hygiene; Chlorhexidine.

16 - Capacidade de autocuidado de adultos e idosos hospitalizados: implicações para o cuidado de enfermagem

Self-care ability of hospitalized adults and elderly people: impact on nursing care

Sibely Rabaça Dias da Costa; Edna Aparecida Barbosa de Castro; Sonia Acioli

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):193-207, Jan/Mar, 2013

Trata-se de um estudo descritivo e exploratório sobre a capacidade de autocuidado de adultos e idosos hospitalizados para tratamento clínico de patologia ou agravo crônico. Objetivou-se classificar e avaliar esse grupo quanto ao grau de dependência em relação ao autocuidado, conforme a concepção teórica de Dorothea Orem, utilizando-se a escala de capacidade de autocuidado adotada por Carpenito-Moyet. Foram pesquisados 193 sujeitos, selecionados nas unidades de internação clínica do Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de Fora-MG, no primeiro trimestre de 2011. Os dados foram coletados nos prontuários dos pacientes internados e complementados pela visita de enfermagem. Dentre os resultados encontrados, 98 pacientes eram independentes (50,78%); 95 apresentavam algum tipo de dependência para o autocuidado (49,22%), sendo que, desses, 3 foram classificados com grau de dependência "1" (3,16%), necessitando de equipamento auxiliar; 57, com grau de dependência "2" (60%) necessitando do auxílio de pessoas; 19, com grau de dependência "3" (20%), necessitando do auxílio de pessoas e equipamentos; e 16, com grau de dependência "4" (16,84%), totalmente dependentes. Assim, com o aumento do número de pacientes com processos crônicos que envolvem graus de dependência, propõe-se o desenvolvimento de ações sistematizadas de enfermagem com adultos e idosos que evidenciam a síndrome do déficit de autocuidado e a seus familiares, em todos os níveis de atenção à saúde no SUS, visando não somente à reabilitação, mas a ações que favoreçam a promoção e a prevenção de novos agravos.

Palavras-chave Enfermagem; Cuidados de Enfermagem; Autocuidado.

This was a descriptive and exploratory study on the self-care capacity of adults and elderly, hospitalized for treatment of disease or chronic health problems. The study aimed to classify and evaluate this group regarding their degree of dependence in relation to self-care, according to the theoretical conception of Dorothea Orem, using the self-care capacity scale adopted by Carpenito-Moyet. We studied 193 subjects, selected from the clinical inpatient units of the University Hospital at the Federal University of juiz de Fora (MG) in the first quarter of 2011. Data were collected from the medical records of the hospitalized patients and supplemented by nursing visits. Among the findings, it was noted that 98 patients were completely independent (50.78%), while 95 patients had some type of dependence for self-care (49.22%). Of the latter, 3 patients were classified at dependence level "1" (3.16%), requiring assistive equipment; 57 patients at dependence level "2" (60%), requiring assistive persons; 19 patients at dependence level "3" (20%), requiring assistive persons and equipment; 16 patients at dependence level "4" (16.84%), totally dependent. Thus, with the increasing number of patients with chronic disorders that involve some level of dependence, we propose the development of systematic nursing actions concerning adults and elderly who exhibit self-care deficit syndrome, and their relatives, at all levels of health care in the Unified Health System, aimed not only at rehabilitation, but at actions that promote good health and the prevention of new health problems.

Keywords Nursing; Nursing Care; Self-care.

17 - Experiência de adoecimento e licença médica: o caso de uma técnica de enfermagem

Experience of illness and sick leave: the case of a nurse technician

Gabriele Taques Silva; Carla Rafaela Teixeira Cunha; Aldenan Lima Ribeiro Corrêa da Costa; Sônia Ayako Tao Maruyama

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):208-216, Jan/Mar, 2013

O estudo em foco foi desenvolvido no âmbito da pesquisa matricial "Faltas ao trabalho, um problema para a gestão do cuidado hospitalar", com o objetivo de compreender a experiência de adoecimento de uma técnica de enfermagem ausente do trabalho por licença médica, descrevendo os significados e sentidos do adoecimento atribuídos por ela à sua vida cotidiana e profissional. Trata-se de pesquisa de abordagem qualitativa, na perspectiva biográfico-interpretativa, realizada em um hospital público de Cuiabá-MT. Os dados foram colhidos por entrevista de narrativa e observação direta. Procurou-se interpretar a experiência narrada direcionando o olhar para o seu cotidiano na condição de adoecida e para a produção, o gerenciamento e a busca por cuidados de saúde. Foram utilizadas como ferramentas analíticas o Ecomapa e o Itinerário Terapêutico, favorecendo, assim, a organização e a compreensão dessa experiência. Essa análise levou a três categorias empíricas: vida e trabalho antes do adoecimento, a experiência do adoecimento por hérnia de disco e a licença médica. Concluiu-se que a experiência do adoecimento e sua consequente necessidade de hospitalização geraram na trabalhadora importantes transformações. O que viu do outro lado a deixou perplexa diante da indiferença e da dor manifestada por seus pares, gerando nela o desejo de adotar outra prática profissional mais humana e mais respeitosa às queixas das pessoas internadas. Constatou-se, ainda, a existência de grande relação entre trabalho e doença, com demora na busca por cuidados cuja procura pelo serviço se deu somente na agudização da dor.

Palavras-chave Absenteísmo; Saúde do Trabalhador; Licença Médica; Enfermagem.

This study was developed under the matrix research Absences from work, a problem for the management of the care in hospital', and aimed to understand the illness experience of a nurse technician who was absentfrom work by medical leave. It describes the illness meanings attributed to her own everyday and professional lives. Qualitative research with the biographical-interpretive perspective was conducted in a public hospital of Cuiabá-MT. Data was collected by narrative interview and direct observation. The narrative of the experience was interpreted based on the nurse technician perception as being in a disease condition and lookingfor production, management and health care process. It was applied the ecomap and the therapeutic itinerary as analytical tools to organize and to understand the experience. This analysis led to three empirical categories: life and work before the illness, the experience of herniated disc illness and, sick leave. It was concluded that the illness experience and its consequent need for hospitalization led to important changes. She saw the other side that became her perplex about the indifference and pain felling manifested by their peers. It generates the desire to adopt another professional practice, with more human and respect to complaints of hospitalized persons. It was found a big relationship between illness and work, which lookingfor health assistance was so late. It took place only when the pain was so acute.

Keywords Absenteeism; Occupational Health; Sick Leave; Nursing.

Artigo Reflexivo

18 - Infecções relacionadas ao cuidar em saúde no contexto da segurança do paciente: passado, presente e futuro

Healthcare associated infections in the context of patient safety: past, present and future

Adriana Cristina Oliveira; Adriana Oliveira de Paula

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):217-225, Jan/Mar, 2013

Neste ensaio teórico, buscou-se discutir os marcos históricos na área da infecção relacionada à assistência em saúde (IRAS), contextualizar a interface entre a infecção relacionada ao cuidar em saúde e a segurança do paciente, além de apontar os desafios e as perspectivas para a área de segurança do paciente. Destaque-se que a abordagem multifatorial para o controle das IRAS pode ser favorecida por meio da vigilância contínua e efetiva da infecção, da monitoração da higienização de mãos e de recursos para a adesão às precauções, enfatizando o comportamento individual e coletivo. Reafirma-se a responsabilidade de cada um, com vista à segurança do paciente na estratégia "Tolerância zero" (resposta aos comportamentos e práticas inseguras que colocam em risco a saúde de pacientes e profissionais). Contribui-se, assim, para a reflexão dos profissionais sobre a corresponsabilização na qualidade das práticas individuais, coletivas e institucionais, bem como para um "novo olhar" sobre o fazer, o pensar e o agir.

Palavras-chave Infecção Hospitalar; Segurança do Paciente; Qualidade da Assistência à Saúde.

In this theoretical paper it was aimed to discuss the landmarks in the area of healthcare associated infections (HAI), contextualize the interface between healthcare associated infections and patient safety, besides to identifying the challenges and prospects for the area of patient safety. It should be noted that the multifactorial approach for the control of HAIs can be facilitated through effective monitoring of the infection, the hand hygiene and resources for adherence to precautions, emphasizing the individual and collective behavior. Reaffirm the responsibility of each individual, concentrating on patient safety strategy "Zero Tolerance" (replying to unsafe behavior and practices that endanger patients and professionals' health). Thus, contributes to the reflection of the professional-responsibility on the quality of individual, collective and institutional practices, as well as a "new look" on doing, thinking and acting.

Keywords Cross Infection; Patient Safety; Quality of Health Care.

Revisão Teórica

19 - O autocuidado em enfermagem: autogestão, automonitorização e gestão sintomática como conceitos relacionados

Self-care in nursing: self-management, self-monitoring, and the management of symptoms as related concepts

Maria Teresa dos Reis Lopes Silveira Galvão; José Manuel da Silva Vilelas Janeiro

REME - Rev Min Enferm.; 17(1):226-236, Jan/Mar, 2013

O autocuidado é um conceito abrangente relacionado com as ações que as pessoas realizam individualmente com o objetivo de preservar a saúde e/ou prevenir a doença. Por ser um conceito abrangente, há outros que se relacionam e que, embora não tendo o mesmo significado, são muitas vezes abordados com o mesmo sentido. Da literatura consultada, constatou-se que termos como autogestão, automonitorização, gestão de sintomas e autoeficácia são referenciados em vários estudos, nomeadamente quando se pretende identificar a forma como a pessoa vive/gera sua saúde ou sua doença. Dentre todos os conceitos identificados, apenas uma característica é comum a todos eles - a autoconsciencialização. Essa característica se refere à aprendizagem efetuada, nomeadamente, pelas pessoas portadoras de doença crônica e dirigida ao desenvolvimento da consciencialização dos sintomas impercetíveis. A identificação das necessidades das pessoas portadoras de doença crônica passa, claramente, pela compreensão dos conceitos, das diferenças e das semelhanças desses conceitos - o autocuidado, a autogestão, a automonitorização e a gestão de sintomas.

Palavras-chave Enfermagem; Cuidados de Enfermagem; Autocuidado.

Self-care is an overarching concept related to the actions that people do individually in order to preserve their health and / or prevent disease. There is a broad concept and others relate to not having the same meaning, that are often addressed in the same sense. The literature found those terms such as self-management, self-monitoring, management of symptoms and self-efficacy are mentioned in various studies particularly when trying to identify how the person live / manage your health or your condition. Among all the concepts identified, only one characteristic is common to them all - self-awareness. This refers to learning done, particularly by people with chronic illness, and directed the development of awareness of imperceptible symptoms. The identification of needs of people, particularly women with chronic illness, is clearly the understanding, the differences and similarities of these concepts - self-care, self-management, self-monitoring and management of symptoms.

Keywords Nursing; Nursing Care; Self-Care.

Logo REME

Logo CC BY
Todo o conteúdo da revista
está licenciado pela Creative
Commons Licence CC BY 4.0

GN1 - Sistemas e Publicações