REME - Revista Mineira de Enfermagem

ISSN (on-line): 2316-9389
ISSN (Versão Impressa): 1415-2762

QUALIS/CAPES: B1
Periodicidade Continuada

Enfermagem UFMG

Busca Avançada

Volume: 15.1

 

 

Editorial

Pesquisa

2 - Significando o cuidado ecológico/planetário/coletivo/do ambiente à luz do pensamento complexo

Attributing meaning to ecological, planetary, collective, and environmental care according to a complex thinking stragegy

Maria Aparecida Baggio; Giovana Dorneles Callegaro; Alacoque Lorenzini ErdmannIII

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):11-18, Jan/Out, 2011

Estudo qualitativo-interpretativo, derivado de dissertação de mestrado, desenvolvido em um hospital-escola de Santa Catarina, com o objetivo de compreender o significado do cuidado ecológico/planetário/coletivo/do ambiente para profissionais de enfermagem à luz do pensamento complexo. Foram participantes enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem de uma unidade clínico-cirúrgica. Os dados oriundos de oficinas realizadas por meio de um processo educativo, reflexivo e interpretativo, mediante análise de conteúdo, designaram a categoria O cuidado ecológico/planetário/coletivo/do ambiente. A consciência desse cuidado é individual, mas também é coletiva quando percebido o benefício das ações de cada indivíduo para o alcance da totalidade do cuidado do universo - do homem e do meio que o acolhe. Percebem-se a necessidade e a importância do pensar e do (re)pensar as práticas individuais cotidianas relacionadas à problemática ambiental, considerando que a conduta individual reflete o produto da coletividade. Conclui-se que todos os seres humanos são responsáveis pelo cuidado ecológico/planetário/coletivo/do ambiente, uma vez que vivem, integram e compartilham o mesmo ecossistema, dele dependendo para a própria sobrevivência. O cuidado do ecossistema também é um cuidado de enfermagem, visto que problemas ambientais também podem ser entendidos como potenciais problemas de saúde. Assim, a atuação na prevenção dos danos ambientais e a diagnose de problemas já existentes são importantes ações da enfermagem que permitem definir prioridades e estratégias de gestão em saúde. Somente mediante uma visão integradora entre homem-natureza, saúde-ambiente é que se pode estabelecer uma relação complexa de cuidados.

Palavras-chave Meio Ambiente; Saúde Ambiental; Ecologia; Natureza; Enfermagem

The objective of this qualitative-interpretive study was to comprehend the meaning of ecological, planetary, collective, and environmental care among nursing professionals employing complex thinking strategies. The study originated from a Master's Thesis developed and carried out in a University Hospital in Santa Catarina. Its participants included nurses, nursing technicians, and assistant nurses in a clinical surgery unit. The data originated from workshops carried out through an educational, reflexive, and interpretative process. Using content analysis, the category Ecological/ Planetary/ Collective/ Environmental Care was designated. The study developed the idea that being aware of such care is basically an individual process; nevertheless it is also collective once each individual action is directed towards achieving totality in care for humanity and the environment which shelters it. It is necessary and important to think and rethink individual daily practices related to the environment and consider that the individual conduct reflects the collective product. All human beings are responsible for an ecological, planetary, collective, and environmental care, since we all depend on it for our survival. Caring for the ecosystem is also a nursing care, since environmental problems can represent potential healthcare hazards. Preventing environmental damage and diagnosing current problems are important nursing actions which permit the allocation of priorities and the designation of strategies in healthcare management. An integrative vision approach of the human-nature and healthcare-environment binomials is the only way to establish a complex healthcare relationship.

Keywords Environment; Environmental Health Care; Ecology; Nature; Nursing

3 - Diagnóstico de enfermagem de crianças em pós-operatório de apendicectomia

Children's nursing diagnosis in appendectomy post surgery

Silvania Braga Ribeiro; Viviane Martins da Silva; Edna Maria Dantas Guerra; Mara Dalila de Araújo Lima

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):19-24, Jan/Out, 2011

Estudo exploratório-descritivo, cujos objetivos foram determinar o perfil dos diagnósticos de enfermagem, identificar as características definidoras, bem como os fatores relacionados e de risco de crianças no pós-operatório de apendicectomia. Participaram do estudo 17 crianças, internadas na Unidade de um Hospital da Rede Estadual do Ceará, de maio a junho de 2009. O instrumento de coleta de dados constituiu-se de um roteiro elaborado segundo domínios apresentados pela Taxonomia II da North American Nursing Diagnosis Association (NANDA) e das informações dos prontuários do paciente. As informações levantadas determinaram as respostas humanas, as características definidoras e os fatores relacionados e de risco. Foram identificados 13 diagnósticos de enfermagem diferentes, 21 características definidoras e 16 fatores relacionados. Mediante a identificação dos diagnósticos de enfermagem nessa clientela, os enfermeiros podem propor intervenções fundamentadas e específicas, proporcionando a implementação de ações eficazes e imediatas para a resolução dos problemas identificados. Assim, este estudo fornece uma base para a sistematização do cuidado de enfermagem ao paciente em período pós-operatório de apendicectomia.

Palavras-chave Diagnóstico de Enfermagem; Criança; Apendicectomia

This is a descriptive-exploratory study whose goal was to determine the profile of nursing diagnosis and to identify the defining characteristics, related factors and risk factors in children during appendectomy post-surgery. Seventeen children admitted to a Public Hospital in Ceará were observed from May to June 2009. The instrument of data collection was the patient's medical reports and a guide elaborated according to the Taxonomy II from the North American Nursing Diagnosis Association (NANDA). The information obtained determined the human answers, the defining characteristics as well as the related and risk factors. 13 different nursing diagnosis, 21 defining characteristics and 16 related factors were identified. Through the nursing diagnosis identification in the patients, the nurses can recommend specific interventions and can provide the implementation of effective and immediate actions to solve the identified problems. This study offers thus a basis to nursing care systematization to patients in appendectomy post-surgery.

Keywords Nursing Diagnosis; Children; Appendectomy

4 - Tratamento ambulatorial de pacientes com ferida cirúrgica abdominal e pélvica

Ambulatory care for patients with abdominal and pelvic surgical wound

Daclé Vilma Carvalho; Eline Lima Borges

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):25-33, Jan/Out, 2011

Apesar dos avanços tecnológicos, pacientes submetidos ao ato anestésico-cirúrgico ainda têm complicações nas feridas operatórias. Essas feridas são classificadas como agudas e realizadas de modo a reduzir os riscos de complicações. Têm tendência à regressão espontânea e completa em um prazo esperado. No entanto, podem se tornar complexas e crônicas quando apresentam complicações no processo de cicatrização. Neste estudo tem-se como objetivos caracterizar os pacientes com ferida cirúrgica abdominal e pélvica tratados no setor de Estomaterapia de um serviço ambulatorial de um hospital em Belo Horizonte e comparar os fatores identificados nos pacientes com os citados na literatura como predisponentes às complicações na ferida cirúrgica. Trata-se de um estudo retrospectivo-descritivo, realizado no ambulatório com amostra de 22 pacientes portadores de ferida cirúrgica abdominal ou pélvica complexa. Houve predomínio de mulheres, idade variando de 22 a 79 anos, com sobrepeso ou obesidade. Todos os pacientes apresentaram deiscência na ferida cirúrgica com infecção associada em 63,6%, mais da metade das lesões apresentou área superior a 20 cm2 e a profundidade variou de 0,1 cm a 6,8 cm. A maioria recebeu alta com a ferida curada, em média, após três meses e dez dias de tratamento. Como descrito na literatura, os resultados obtidos confirmaram que o sobrepeso e a obesidade são fatores que contribuem para o desenvolvimento de infecção. Destaque-se, também, que a infecção e a deiscência foram os principais fatores que caracterizaram a ferida cirúrgica complexa.

Palavras-chave Deiscência da Ferida Operatória; Infecção da Ferida Operatória

Despite technological advances, patients submitted to surgical anesthesia procedures still suffer from surgical wound complications. These wounds are classified as acute and are made so as to reduce the risk of complications. They tend to retreat spontaneously and completely within an estimated time. However, they can become complex and chronic when there are complications in the healing process. The objectives of this study were to characterize patients with an abdominal and pelvic surgical wound treated in the Stomal Therapy Division in an ambulatory care department of a Belo Horizonte hospital and to compare the factors identified in patients predisposed to complications in the surgical wound with those reported in the medical literature.This is a retrospective, descriptive study taken at the ambulato ry care with a sample of 22 patients presenting a complex abdominal or pelvic surgical wound. These were mainly women between 22 and 79 years old, overweight or obese. The patients had surgical wound dehiscence associated with infection in 63.6%. More than a half of the lesions displayed an area greater than 20 cm2 and the wound depth ranged from 0.1 cm to 6.8 cm. Most patients were discharged with the wound healed in about 3 months and 10 days of treatment. The results confirmed what is described in the medical literature, that is, overweight and obesity contribute to the development of infection. Infection and dehiscence were identified as the complex surgical wound main complication.

Keywords Surgical Wound Dehiscence; Surgical Wound Infection

5 - Hipotermia como fator de risco para infecção de sítio cirúrgico: conhecimento dos profissionais de enfermagem de nível médio

Hypothermia as a risk factor for surgical wound infection: the nurse assistant's knowledge

Djenane Roberta Ribeiro; Alessandra Renata Targa Longo

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):34-41, Jan/Out, 2011

A equipe de enfermagem tem papel fundamental na prevenção da hipotermia no cliente cirúrgico para o controle e a prevenção de complicações, sendo a principal a infecção de sítio cirúrgico, que diminui custos para a instituição e melhora a qualidade da assistência para o cliente. O objetivo com esta pesquisa foi analisar o conhecimento do profissional de enfermagem de nível médio sobre a relação do controle da hipotermia para a prevenção da infecção de sítio cirúrgico. Realizou-se um estudo descritivo de caráter exploratório no centro cirúrgico de um hospital filantrópico no interior de São Paulo, do qual participaram 21 colaboradores de ambos os sexos, profissionais de enfermagem. Para a coleta de dados, foi utilizado um formulário de questões como instrumento norteador. O estudo foi aprovado pelo Comitê de Ética em Pesquisa da Universidade Paulista. No estudo, evidenciou-se que 85,7% demonstraram não ter conhecimento de que a hipotermia é um fator de risco para infecção de sítio cirúrgico, mostrando a necessidade de o profissional de enfermagem possuir amplo conhecimento na área em que atua, já que os avanços da tecnologia, descobertas científicas são constantes e a reciclagem e a atualização tornam-se imprescindíveis. São fundamentais ações estratégicas para transformar a organização das práticas de saúde e práticas pedagógicas, o que implica um trabalho articulado entre o sistema de saúde e as instituições formadoras para a construção do conhecimento, no qual a teoria e a prática se fundem, proporcionando segurança e qualidade para a assistência ao cliente cirúrgico. Para isso o profissional enfermeiro deve atuar efetivamente como supervisor e líder, repassando novos conhecimentos e informações relevantes a toda sua equipe.

Palavras-chave Hipotermia; Infecção na Ferida Operatória; Conhecimento, Atitudes e Práticas em Saúde; Centro Cirúrgico Hospitalar

The nursing team plays a fundamental role in preventing and controlling hypothermia in a surgical patient. Such control is essential to avoid complications, such as the surgical wound infection. It helps to reduce costs and improve the quality in patient care. This study aims to analyze the nursing assistants' knowledge about the relationship between the control of hypothermia and the surgical site infection prevention. We conducted a descriptive exploratory study in the surgical center of a philanthropic hospital in the State of São Paulo. 21 nursing professionals of both sexes participated in the survey. A questionnaire was used as data collection method. The study was approved by the Research Ethics Committee of the Universidade Paulista. The results indicated that 85.7% of the nursing assistants were not aware that hypothermia is a risk factor for surgical wound infection what stresses the need for the nursing professionals to possess an extensive knowledge in the area. Advances in technology and scientific discoveries are constant and refreshment and update courses become indispensable. In this context strategic actions are fundamental to transform healthcare organization and teaching practices. Their implementation would require an articulated work between the health system and the nursing training schools, where theory and practice could merge to provide safety and quality to the surgical patient. For this the professional nurse has to act effectively as a supervisor and leader, transmitting knowledge and relevant information to his/her team.

Keywords Hypothermia; Surgical Wound Infection; Healthcare Knowledge, Attitudes and Practice; Surgery Department, Hospital

6 - Aspectos clínicos e epidemiológicos dos clientes submetidos à cineangiocoronariografia

Clinical and epidemiological aspects of patients who underwent coronary angiography

Maria Helena Barbosa; Jordânia Lumênia Tavares; Érica Vieira de Andrade; Quenia Cristina Gonçalves da Silva; Marina Aleixo Diniz; Luiz Antônio Pertili Rodrigues de Resende; Gabriela Lucas Cardoso

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):42-46, Jan/Out, 2011

As doenças cardiovasculares representam a principal causa de morbimortalidade e estão associadas a vários fatores de risco. Trata-se de um estudo observacional, transversal, que teve como objetivos caracterizar os clientes submetidos à cineangiocoronariografia, segundo as variáveis socioeconômicas, clínicas e epidemiológicas, identificar os fatores de risco para coronariopatias e o conhecimento prévio sobre o procedimento. Foram entrevistados 107 clientes na Unidade de Hemodinâmica de um hospital de ensino de grande porte de Minas Gerais. Os dados foram analisados segundo estatística descritiva. A média de idade foi de 60,13 anos; 51,4% eram do sexo masculino; 75,7% afirmaram que tinham hipertensão arterial; 37,4%, que tinham história pregressa de infarto agudo do miocárdio; 46,7%, dislipidemia; 58,9% eram tabagistas; 25,2% etilistas; 70,1% sedentários; 35,5% tinham sobrepeso; 19,6% eram obesos; e 28,9% tinham diabetes mellitus. A maioria relatou que conhecia o procedimento e já o tinha realizado. Esses achados apontam para a necessidade de implementação de novos programas de prevenção de doença coronariana, tendo em vista os aspectos epidemiológicos identificados nessa população.

Palavras-chave Cateterismo Cardíaco; Fatores de Risco; Epidemiologia; Enfermagem

Cardiovascular diseases are the leading cause of morbidity and mortality. These diseases are associated with multiple risk factors. This is an observational study that aimed to characterize patients who underwent coronary angiography, according to the socio, clinical and epidemiological variable and to identify the coronary heart disease risk factors and the patients'previous knowledge about the procedure. We interviewed 107 clients in the catheterization lab of a large teaching hospital in Minas Gerais. Data were analyzed using descriptive statistics. The average age was 60.13 years, 51.4% were male, 75.7% had hypertension, 37.4% had a history of myocardial infarction, 46.7% had dyslipidemia, 58.9% were smokers, 25.2% consumed alcohol, 70.1% were sedentary, 35.5% were overweight, 19.6% were obese and 28.9% had diabetes mellitus. Most patients reported being familiar with the procedure and had already been submitted to it previously. In view of the epidemiological aspects identified among this population the study findings highlight the need for the implementation of new programs directed to the prevention of coronary disease.

Keywords Heart Catheterization; Risk Factors; Epidemiology, Nursing

7 - Estudo dos diferenciais da mortalidade masculina por homicídio, em Belo Horizonte, de 1980 a 2005

Differential study of male mortality from homicide in Belo Horizonte from 1980 to 2005

Lenice de Castro Mendes Villela; Edna Maria Rezende; Eunice Francisca Martins; Paula Gonçalves Bicalho; Lívia de Souza Pancrácio de Errico

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):47-53, Jan/Out, 2011

Nas últimas décadas, a tendência crescente dos homicídios alterou o perfil da mortalidade nos homens, principalmente em adultos jovens. Com o objetivo de avaliar a tendência à mortalidade por homicídio nos homens em Belo Horizonte, foi realizado este estudo, em uma série entre 1980 e 2005. Foram utilizados os dados secundários do Sistema de Informação sobre Mortalidade, selecionando-se os subgrupos da nona e da décima revisão, segundo a idade e o ano de ocorrência. O único critério de exclusão adotado foi a ausência de dados referente à idade. Foram calculados a mortalidade proporcional, as taxas específicas de mortalidade, a porcentagem e os incrementos e decrementos. Para a análise de tendência, foram utilizados a técnica estatística de regressão linear simples e os testes de hipótese com um nível de significância α < 0,05. Os resultados mostraram maior percentual de óbitos por homicídios e maiores incrementos desse percentual nos grupos etários entre 10 e 49 e 10 e 19 anos, respectivamente. Observou-se uma tendência de aumento das taxas de mortalidade durante o período de 1980 a 2005 (p<0,05), com maiores coeficientes angulares a partir de 1996. A tendência de aumento dos coeficientes de mortalidade foi maior nos grupos mais jovens. No grupo de 70 anos e mais, observou-se uma tendência de estabilização. Os maiores coeficientes da mortalidade em adultos jovens sugerem a possibilidade de agravamento desse quadro no futuro. Nesse sentido, propõem-se medidas preventivas e políticas intersetoriais para combater à violência.

Palavras-chave Masculino; Mortalidade; Homicídio; Agressão

In recent decades, an increase in the homicide trend altered the pattern of male mortality mostly amongst young adults. This study aimed to evaluate the homicide trend in Belo Horizonte between 1980 and 2005. It used secondary data from the Mortality Information System. The subgroups from the IX and the X Review were selected according to the age and the year of occurrence. The only exclusion criteria adopted was the absence of data regarding age. The proportional mortality, the specific mortality rates, the percentage and the increments and decrements were calculated. The trend was examined by linear regression statistical analysis and hypothesis testing with a significance level α <0, 05. The results showed higher percentages in mortality from homicide in the age group 10-49 years old and a higher percentual increase in the age group 10-19 years old. It was observed an rise in the mortality trend rates during the period from 1980 to 2005 (p <0, 05), with a higher angular coefficient from 1996. The increase in the mortality coefficient was more significant in the younger age groups; while there was a stabilizing tendency in the age groups equal or above to 70 years of age. The high mortality rate among young adults suggests the aggravation of this problem in the future. In this sense, the study proposes preventive measures and intersectoral policies to combat violence.

Keywords Male; Mortality; Homicide; Aggression

8 - Anemia em crianças e fatores associados em região urbana

Factors associated to anemia in infants residents of an urban region

Milene Cristine Pessoa; Ann Kristine Jansen; Gustavo Velásquez-Meléndez; Jose Divino Lopes; Mark Anthony Beinner

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):54-61, Jan/Out, 2011

O objetivo com esta pesquisa foi identificar a frequência da anemia em crianças do município de Vespasiano-MG e sua associação com variáveis socioeconômicas, demográficas e biológicas. Foram avaliados 556 bebês e pré-escolares na faixa etária de 6 a 24 meses entre maio e julho de 2007. A hemoglobina sanguínea foi determinada por punção digital, pelo método da cianometahemoglobina. Também foi aplicado um questionário às mães para a obtenção de variáveis biológicas, socioeconômicas e demográficas. Considerou-se anemia a concentração de Hb <11,0g/dL, segundo Organização Mundial da Saúde (OMS). A frequência de anemia na população estudada foi de 37,9%. Foi possível verificar que as variáveis que tiveram associação independente com a anemia foram: baixa escolaridade materna (< 8 anos de estudo) (RP=1,37; 1,11-1,70); esgoto escoado a céu aberto ou em fossa (RP=1,51; 1,21-1,87); criança possuir pelo menos um irmão menor de 5 anos (RP=1,43; 1,16-1,76); faixa etária entre 6 e 12 meses incompletos (RP=1,36; 1,11-1,67); e sexo masculino (RP=1,25; 1,03-1,54). A frequência de anemia encontrada foi caracterizada como problema de saúde pública, agravada nos subgrupos da população de baixos recursos socioeconômicos. Esses resultados alertam para a necessidade de avaliação de políticas de intervenção implementadas. A instituição de mecanismos contínuos de vigilância alimentar e nutricional faz-se urgente no município avaliado, permitindo uma intervenção precoce no problema.

Palavras-chave Anemia Ferropriva; Frequência; Fatores Socioeconômicos; Bebês; Pré-Escolares

The objective of this study was to investigate the frequency of anemia in children and their association with socioeconomic, demographic and biological variables. Between May and July 2007 mothers of infants and preschoolers aged 6 to 24 months were invited to participate in the study. Hemoglobin (Hb) level was assessed on site by finger prick blood tests using the cyanmethemoglobin method. Additionally, mothers were asked to answer a social economic, biological and demographic questionnaire. The frequency of anemia in the 556 children examined was 37.9%. The results show that anemia was associated with the following variables: mother's schooling less than 8 years (PR=1.37; CI95% 1.11-1.70), open sewers or cesspit nearby (PR=1.51; 1.21-1.87), the child has at least one sibling younger than five years old (PR=1.43; 1.16-1.76), children from 6 to 12 months of age (PR=1.36; 1.11 - 1.67) and of the male sex (PR=1.25; 1.03-1.54). The frequency of anemia detected in young children represents a public health problem aggravated in low income families. These results highlight the need to re-evaluate the current intervention policy. The implementation of continuous food security mechanisms and nutrition are urgently recommended in the area under study are mechanisms which will enable an early response to the problem of anemia.

Keywords Iron Deficiency Anemia; Frequency; Social Economic Factors; Infants; Preschoolers

9 - Conceitos e práticas de integralidade no município de Catas Altas-MG

Concepts and integrality practices in Catas Altas-MG

Evandro de Souza Queiróz; Cláudia Maria de Mattos Penna

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):62-69, Jan/Out, 2011

A integralidade apresenta muitas significações que, no entanto, se complementam quando são discutidas para o setor saúde. Ela pode ser entendida como o modo de organizar as práticas profissionais, os serviços de saúde e as políticas públicas, mas se concretiza, efetivamente, na relação entre usuários e profissionais de saúde. Diante dessas considerações, neste artigo, que faz parte de uma dissertação de mestrado, buscou-se compreender os conceitos e práticas a respeito da integralidade formuladas pelos profissionais de saúde do município de Catas Altas-MG. Para isso, como delineamento metodológico, foi utilizado o estudo de caso, fundamentado na Sociologia Compreensiva, e realizadas entrevista, observação livre e análise documental para a elaboração dos resultados. Entre os profissionais, a integralidade é entendida como a visão holística aplicada no cuidado, que permite até ver a necessidade do outro; é a integração dos processos de trabalho individuais, que devem ser articulados, solidários e com objetivo único; é influenciada pela cultura e pelo meio social onde é produzida; é a combinação de ações preventivas e curativas prestadas ao usuário. Entretanto, a visão contínua do cuidado entre os serviços de saúde não foi descrita nem observada nas práticas dos profissionais.

Palavras-chave Assistência Integral à Saúde; Atenção Primária à Saúde; Equipe de Assistência ao Paciente

Integrality is a concept with many connotations that are complementary when applied to the healthcare sector. It can be understood as the way to organize the professional practices, the healthcare services and the public policies and materializes itself in the relationship between users and health professionals. Considering this the present article, which is part of a master's degree thesis, sought to understand the concepts and practices conveyed by healthcare professionals in the city of Catas Altas - MG. The methodological outline used was the case study grounded on the Comprehensive Sociology. The results were elaborated via interviews, observations and document analysis. Among specialists integrality is considered as the holistic vision applied to the care that allows to envision other people's needs; it is the integration of individual work processes, which must be coordinated, solidary and with a single purpose; it is influenced by the culture and the social environment where it is produced; it is a combination of the preventive and the therapeutic actions provided to the user. However, Health Services continuing healthcare was not described or observed in the professional's practices.

Keywords Comprehensive Health Care; Primary Health Care; Patient Care Team

10 - História de vida e o alcoolismo: representações sociais de adolescentes

Life history and alcoholism: social representations of adolescents

Sílvio Éder Dias da Silva; Maria Itayra Padilha

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):70-78, Jan/Out, 2011

Neste estudo descritivo-qualitativo, utilizou-se a Teoria das Representações Sociais. Os objetivos foram descrever as representações sociais dos adolescentes sobre o alcoolismo e analisar a inserção do alcoolismo na história de vida dos adolescentes. O contexto do estudo foi uma instituição da Prefeitura de Belém-PA e 40 adolescentes constituíram os sujeitos da pesquisa. Para a coleta de dados, utilizou-se a técnica da história de vida. A técnica de análise foi a de conteúdo temático, que chegou a duas categorias: O alcoolismo na história de vida dos adolescentes e Alcoolismo e alcoolistas e suas representações sociais. A inserção da bebida alcoólica no seio familiar e seu uso de forma abusiva foram relevantes para o primeiro contato dos adolescentes com o álcool e outras drogas. No estudo, mostrou-se a relevância de se desvelar o universo dos adolescentes sobre o alcoolismo para favorecer a compreensão deste como fenômeno psicossocial.

Palavras-chave Alcoolismo; Álcool Etílico; Adolescente; Enfermagem Psiquiátrica

This descriptive qualitative study employed the Theory of Social Representations. It aims to describe the adolescents' social representations on alcoholism and to analyze the insertion of alcoholism in their life history. The study context was an institution in the city of Belém, PA and the subjects were 40 adolescents. Data was collected through life history technique. The thematic content analysis established two categories: the alcoholism in the adolescents' life, alcoholism and alcoholics and their social representations. The insertion of alcoholic beverage within the family and its improper use represented the first contact of the adolescents with alcohol and other drugs. The study revealed the importance of uncovering the adolescents' universe on alcoholism to promote this problem's understanding as a psychosocial phenomenon.

Keywords Alcoholism; Ethyl Alcohol; Adolescent; Psychiatric Nursing

11 - Percepção e perspectivas de gestantes sobre o processo do parto a partir de oficinas educativas

Pregnant women's perception and perspective on the labour process in educational workshops

Maria Rita de C. B. Almeida; Kleyde Ventura de Souza; Virgínia Beatriz Maciel; Juliana Thomé Ribeiro; Maria Luiza de Medeiros Amaro; Mariana Julia Pioli da Costa; Sabrina Strapasson

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):79-85, Jan/Out, 2011

Estudo qualitativo cujo objetivo foi descrever a percepção e as perspectivas de gestantes sobre o processo de parto. Participaram dez gestantes inscritas na primeira edição de oficinas educativas, inseridas em um programa pioneiro promovido pelo Departamento de Recursos Humanos de uma instituição de ensino superior, situada na capital do Paraná. As oficinas foram realizadas no período de setembro a outubro de 2008 e contaram com a participação de professores e funcionários da instituição, que abordaram temáticas relativas ao ciclo gravídico puerperal. A coleta de dados foi feita por meio de entrevistas individuais, no local de trabalho das participantes, e gravadas com equipamento digital. Utilizou-se um roteiro semiestruturado para coleta de dados. Após a transcrição, os dados foram submetidos à análise temática de conteúdo. Foram identificadas duas categorias temáticas: a) a participação em oficinas educativas possibilitou o compartilhar experiências, fortalecendo a vivência da gestação e b) a (re)significação de experiência em oficinas educativas contribuiu para a ampliação de horizontes e o descortinar de perspectivas sobre o processo de parto. Os resultados mostram que a modalidade educativa sob a forma de oficina possibilita o compartilhar de experiências e pode contribuir para o fortalecimento das mulheres nas suas perceptivas e decisões sobre o parto. Além dos resultados alcançados, a iniciativa de formação do programa mereceu destaque. As oficinas deram visibilidade e demonstraram a importância de ampliar, para além das instituições de saúde, a realização de um tipo de modalidade educativa que envolve gestantes em seu próprio ambiente de trabalho.

Palavras-chave Gestantes; Educação em Saúde; Promoção da Saúde; Parto Normal

This qualitative study aims to describe the pregnant women's perceptions on the delivery process. 10 women joined in the educational workshop first edition. The pregnant ladies were participating in a pioneering program sponsored by the Human Resources Department at a university in Curitiba, Paraná. The workshops were held from September to October 2008 with the contribution of the university's professors and employees and it approached issues related to the pregnancy cycle. Database was collected via individual interviews at the participants'workplace and recorded by digital equipment. We used a semi structured interview guide for data collection. After the transcription, data was submitted to a thematic content analysis. Two themes have been identified: a) participation in the workshops made possible for the pregnant women to share and strengthen their personal experience; b) the educational workshop contributed to expand the women's perspective about the childbirth process. The results show that this learning modality allows the sharing of experiences and that it can contribute to the consolidation of the pregnant women's perceptions and to the strengthening of their decisions about childbirth. Apart from the results achieved it is worth highlighting the initiative of starting up the program. The workshop demonstrated the importance of widening an educational modality that involves pregnant women in their own working environment.

Keywords Pregnant Women; Health Education; Health Promotion; Natural Childbirth

12 - Paralisia cerebral: estudo sobre o enfrentamento familiar

Cerebral palsy: a study on family coping

Mariana Beserra de Andrade; Sheila de Souza Vieira; Giselle Dupas

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):86-96, Jan/Out, 2011

A paralisia cerebral (PC) caracteriza condições ocasionadas por sequela de agressão encefálica. Por ser uma condição crônica, desafia a família e a criança a conviverem com adaptações e desafios. Objetivamos, com este estudo, compreender a experiência da família na vivência com a situação de paralisia cerebral da criança, identificar as mudanças que essa condição crônica provoca na vida familiar e quais são os mecanismos de enfrentamento utilizados. Sete famílias foram entrevistadas. Adotamos como referencial teórico e metodológico o interacionismo simbólico e a narrativa, respectivamente. A análise de narrativas permitiu identificar sete categorias que demonstram a experiência da família ao conviver com uma criança que tem paralisia cerebral: Vivenciando um impacto; Enfrentando nova situação; Enfrentando dificuldades e preconceito; Vida ganhando outras prioridades; Transpondo desafios; Reconhecendo que é algo bom; e Alimentando expectativas para o futuro. Os resultados evidenciam a complexidade da vivência de famílias que têm um dos membros com PC e o desejo de que sua criança tenha uma vida o mais próximo do normal possível, sem preconceitos e com maior acessibilidade no que diz respeito à saúde, à educação e à vida social, bem como que a inserção do profissional enfermeiro pode apoiá-los nesse processo.

Palavras-chave Doença Crônica; Família; Paralisia Cerebral; Enfermagem

Cerebral Palsy refers to conditions caused by damage to specific areas of the brain. It is a chronic condition that defies the family and the child to live with adaptations and challenges. This study aims to understand the family's experience in living with a child with cerebral palsy, to identify the changes in family life and the coping mechanisms used. Seven families were interviewed. We adopted the Symbolic Interactionism as a theoretical perspective and the Narrative as a methodological reference. The narrative analysis identified seven categories that demonstrate the family's experience in coping with a child who has cerebral palsy: experiencing an impact, facing the new situation, facing difficulties and prejudice, changes in life priorities, overcoming challenges, recognizing that is a good thing, expectations for the future. The results indicate how complex these families' experience is and emphasize their desire that their child has a life as close to normal as possible, with no prejudice and a better access to health, education and social life. The results also highlight how the presence of the professional nurse can support them in the process.

Keywords Chronic Disease; Family; Cerebral Palsy; Nursing

13 - Manifestações de egressos de um curso de enfermagem

Manifestations of graduates from a nursing course

Dulce Maria Nunes; Gabriela Bottan; Laura Bianchi e Silva

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):97-104, Jan/Out, 2011

Nesta investigação qualitativa, fenomenológica, apoiada em Martin Heidegger, trata-se da manifestação de egressos da graduação da Escola de Enfermagem da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EEUFRGS), relativa ao referencial do currículo cuidado humano de 1996. Os objetivos foram desvelar e compreender se o modo de desenvolvimento do ensino teórico e do teórico-prático ofereceu embasamento teórico e prático para atuação profissional. O Projeto nº 2005430, aprovado pelo Comitê de Pesquisa e Ética da UFRGS, respeitou aspectos éticos, conforme diretrizes e normas reguladoras da pesquisa envolvendo seres humanos. Participaram da pesquisa oito enfermeiros, graduados entre 2000 e 2005, cujo currículo incluiu cuidado humano como referencial. O material, coletado em entrevista semiestruturada, recebeu análise fenomenológica. Foram obtidas seis essências em relação ao egresso e ao mercado de trabalho, aos enfermeiros assistenciais, ao corpo humano, à competência gerencial e outras. Aspectos constituintes do fenômeno manifestado demonstraram a importância da contribuição do egresso para a instituição de origem, necessitando esse tema, por ser dinâmico, de novos estudos.

Palavras-chave Cuidados de Enfermagem; Ensino; Estudantes de Enfermagem

This qualitative phenomenological investigation, based on Martin Heidegger, addresses the manifestation of graduates from the Federal University of Rio Grande do Sul Nursing School (EEUFRGS), in relation to the referent 1996 syllabus in human care. The aim was to understand if the development of theoretical and theoretical-practical education provided a theoretical and practical basis for the professional performance. The project no. 2005430 was approved by the UFRGS Research and Ethics Committee, complied with guidelines and regulations for research involving human beings. Eight nurses graduated between 2000 and 2005, whose syllabus included human care as a reference frame took part in the study. The material collected via a semi-structured interview was subjected to a phenomenological analysis. Six essences were obtained in relation to the graduates and the job market, the nurses, the human body, the managerial skill, etc. The aspects constituting the manifest phenomenon demonstrated the importance of former students' contribution to their original institution, and since this topic is dynamic, further studies are needed.

Keywords Nursing Care; Teaching; Students Nursing

14 - As práticas integrativas e complementares na atenção à saúde da mulher: uma estratégia de humanização da assistência no Hospital Sofia Feldman

Complementary and integrative practices in women's health care: a strategy for the humanization of medical care at Sofia Feldman Hospital

Maritza Rodrigues Borges; Lélia Maria Madeira; Vivian Mara Gonçalves de Oliveira AzevedoIII

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):105-113, Jan/Out, 2011

Neste estudo, de caráter retrospectivo, buscou-se caracterizar a população usuária do Núcleo de Terapias Integrativas e Complementares do Hospital Sofia Feldman, em Belo Horizonte-MG, identificar as práticas integrativas e complementares mais utilizadas pelo Núcleo na saúde da mulher e conhecer as impressões das usuárias a respeito de sua aplicação. Utilizouse para o preenchimento do instrumento de coleta de dados o caderno-ata do Núcleo e o cadastro de internação hospitalar das mulheres, de julho a novembro de 2008. Fizeram parte do estudo 105 usuárias, com o predomínio de mulheres entre 19 e 28 anos (60,9%), de cor parda (47,6%), entre 9 e 11 anos de estudos (59,0%), solteiras (55,2%), católicas (75,2%) e originárias da região metropolitana de Belo Horizonte (40,0%). A maioria das mulheres foi internada para tratamento de intercorrências clínicas na gravidez (21,8%) e realização de parto (64,4%). As práticas mais utilizadas foram a musicoterapia (100%), a aromaterapia (100%), a oficina de chás (92,4%) e o escalda-pés (91,4%). As práticas integrativas e complementares promoveram resultados satisfatórios, provocando alívio dos sintomas físicos e psíquicos. Esse fator muito contribui para sua utilização como forma de suporte na assistência obstétrica voltada para a humanização.

Palavras-chave Terapias Complementares; Saúde da Mulher; Humanização da Assistência

This retrospective study had three objectives: to characterize the population assisted by the Center for Integrative and Complementary Therapies at the Sofia Feldman Hospital. Belo Horizonte-MG; to identify the complementary and integrative practices most commonly used at the Center to promote women's health; and to learn about the users' impressions about such practices. The Center's records and the hospital women's patients register from July to November 2008 were used as instruments for data collection. The profile and impressions of 105 women were analyzed. Most of them were aged between 19 and 28 years (60.9%), 47.6% were brown skinned and had completed 9 to 11 years of formal education (59.0%), 55,2% were unmarried , 75.2% were Catholic and living in the metropolitan region of Belo Horizonte (40.0%). Most of the women were hospitalized for treatment of clinical problems during pregnancy (21.8%) and for delivery (64.4%). The complementary and integrative therapies most commonly used were music therapy (100%), aromatherapy (100%), a tea workshop (92.4%) and feet hot water treatment (91.4%). These practices produced satisfactory results that led to the relief of physical and psychological symptoms what suggests that their use contributes to support a more humane approach to obstetric assistance.

Keywords Complementary Therapies; Women's Health; Humanization of Assistance

15 - Percepções das mães sobre os cuidados à saúde da criança até 6 anos

Mothers' perceptions on health care for children between 0 and 6 years old

Astrid Eggert Boehs; Pamela Camila Fernandes Rumor; Edilza Maria Ribeiro; Márcia Grisotti

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):114-120, Jan/Out, 2011

Esta é uma pesquisa qualitativa com os seguintes objetivos: a) levantar o perfil das mães; b) identificar a percepção das mães sobre os cuidados realizados no domicílio para manter a saúde das crianças até 6 anos; c) identificar as fontes de aprendizagem. Foram entrevistadas mães com mais de um filho, em dois bairros do município de Florianópolis. Após agrupar as respostas das perguntas qualitativas, a análise de conteúdo revelou categorias e subcategorias. Os resultados evidenciam que a autoatenção das famílias está presente com forte influência da biomedicina, sendo o médico e o agente comunitário de saúde os profissionais da atenção básica mais lembrados como orientadores do cuidado. Conclui-se que, para promover a saúde e fomentar a autonomia das famílias, há necessidade de conhecer e considerar a autoatenção a eles.

Palavras-chave Cuidado da Criança; Cultura; Saúde da Família

This qualitative research aimed at the following objectives: a) assess the mothers profile, b) ascertain the mothers perceptions about healthcare provided at home in order to keep in good health children between 0-6 years old, c) identify the mothers learning resources. Mothers with more than one child from two neighborhoods in the municipality of Florianopolis were interviewed. The answers to the qualitative questions were collected and the analysis of their content revealed categories and subcategories. The results show that the child is cared basically by the family which is highly influenced by biomedicine. The doctor and the community healthcare worker are the most recalled healthcare providers. The study concludes that in order to promote health and foster the families autonomy in this area, it is necessary to understand and recognize their ability to cope with a health problem or to improve his/her health.

Keywords Child Healthcare; Culture; Family Healthcare

Revisão Teórica

16 - A saúde do cuidador: possibilidades de promoção de resiliência em enfermeiros

The caregiver's health: possibilities for the resilience promotion in nurses

Maria de Fátima Belancieri; Edna Maria S. Peters Kahhale

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):121-128, Jan/Out, 2011

A finalidade com este estudo é levantar subsídios teóricos para compreender a relação entre as adversidades do ambiente de trabalho e a possibilidade de promoção da resiliência em cuidadores enfermeiros. Assim, procedeu-se, preliminarmente, a uma busca de referências em base de dados (LILACS, MEDLINE, PUBMED), utilizando como palavras-chave resiliência, saúde ocupacional, resiliência e ocupação, cuidados ao cuidador, resiliência e enfermagem, bem como solicitação online aos grupos de estudos existentes no Brasil. Por meio desse levantamento, foi possível localizar, de 1990 a 2003, 202 artigos sobre resiliência, sendo que a maioria refere-se a crianças em situação de pobreza. Na área da saúde, especificamente, cruzando a saúde do cuidador e resiliência, nenhum artigo foi encontrado. Entretanto, foi possível localizar, de 1993 a 2003, 24 artigos sobre cuidados ao cuidador, dos quais 3 referem-se à saúde do médico, e não do enfermeiro. Com base nessa revisão, podemos apontar algumas contribuições do estudo da resiliência: a compreensão do conceito de resiliência pode constituir uma poderosa ferramenta de transformação, permitindo um alento ao sofrimento humano, por encorajar atitudes mais positivas e adequadas diante das situações desafiadoras e estressantes do cotidiano; Baseando-se nas características propostas por Flach, Polk e Reivich e Shatté, é possível implementar programas preventivos e interventivos de cuidado ao cuidador, focando o desenvolvimento de aspectos pessoais (recursos internos), relacionais e de habilidades de comunicação, assim como os profissionais, na promoção da resiliência e, consequentemente, de saúde.

Palavras-chave Enfermagem; Resiliência; Saúde do Cuidador

This study aims to build a theoretical framework to understand the relationship between the adversities at the work environment and the possibility of resilience promotion among nursing caregivers. Firstly a reference search on data bases (LILACS, MEDLINE, PUBMED) was conducted by using the key-words resilience, occupational health, resilience and occupation, caregivers care, resilience and nursing, as well as through on-line requests to existing study groups in Brazil. This investigation found 202 articles about resilience written between 1990 and 2003, most of them referring to children in poverty. In the health area by crisscrossing 'caregiver's health' and 'resilience' no article was found. However, it was possible to find 24 articles about the caregiver's care written between 1993 and 2004, in which 3 discussed the doctor's health but not the nurse's. From this review, some contributions to the study of resilience could be pinpointed: understanding the concept of resilience constitutes a powerful transformation tool because it allows some respite from human suffering. It encourages more positive and adequate attitudes in the face of challenging and stressful everyday situations. Based on the characteristics proposed by Flach, Polk and Reivich & Shatté, it is possible to implement preventive and intervening care programs addressed to the caregiver, focusing on the development of personal (inner resources) qualities, the relational aspects and the communication skills, as well as the professional aspect in resilience promotion and consequently, health promotion.

Keywords Nursing; Resilience; Caregiver's Health

17 - Cursos de especialização e residência em saúde da família: uma analise sobre os enfoques de avaliação

Specialization courses and residency in family health care: an analysis on the evaluation approaches

Tatiane Aparecida Moreira da Silva; Lislaine Aparecida Fracolli; Anna Maria Chiesa

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):129-134, Jan/Out, 2011

A transformação da assistência a saúde no Brasil passa pela formação de profissionais que podem estar preparados para atuar na Estratégia Saúde da Família (ESF). Trata-se de uma revisão teórica que teve como objetivo analisar como os cursos de Especialização e Residência em Saúde da Família foram avaliados. As análises aqui apresentadas tiveram por base trabalhos publicados na base de dados LILACS, que apresentavam resultados de avaliações relativas aos cursos de formação para a Estratégia Saúde da Família. Como resultado, concluiu-se que as avaliações apresentadas encaixavam-se em quatro categorias. Formação/Capacitação oferecidas aos profissionais, transformações na Prática do profissional, Perfil do profissional que frequenta o curso e Satisfação discente quanto ao curso. Foi possível perceber que, mesmo diante da importância da capacitação dos profissionais, existe uma carência na avaliação desses cursos no que tange o impacto deles para a mudança dos modelos e das práticas assistenciais.

Palavras-chave Saúde da Família; Educação de Pós-Graduação em Enfermagem; Avaliação

Transformation in the Brazilian health assistance model depends on the professional's education in Family Healthcare Strategy (FHS). This study is a theoretical review aimed to examine how specialization courses and residency in family healthcare were evaluated. The analyses presented here were based on papers published in LILACS that offered evaluation results of the training courses in Family Health Strategy. The results revealed that the evaluations studied fit in four categories: Formation/Qualification offered to the professionals, the transformations in the Professional Practices, Profile of the Professional who attends the course and the Student Satisfaction Rates regarding the course/residency. The results indicated that even though the professional's qualification is of the utmost importance the courses impact on changing assistance models and practices are not sufficiently evaluated.

Keywords Family Health; Post graduation Education in Nursing; Evaluation

Artigo Reflexivo

18 - Prática educativa para autonomia do cuidador informal de idosos

Educational practice for the autonomy of the informal caregiver of elderly people

Chrystiany Plácido de Brito Vieira; Emiliana Bezerra Gomes; Ana Virgínia de Melo Fialho; Dafne Paiva Rodrigues; Thereza Maria Magalhães Moreira; Maria Veraci Oliveira Queiroz

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):135-140, Jan/Out, 2011

Cuidar de um idoso dependente envolve tarefas complexas permeadas de dificuldades que podem ser agravadas pela falta de preparo e de informações para o cuidador, gerando insegurança e temores, o que pode trazer prejuízos no cuidado do idoso. Essa realidade demonstra a necessidade de ações de enfermagem que melhorem o enfrentamento do cuidador por meio de práticas educativas. Neste estudo, reflete-se sobre as práticas atuais de educação em saúde voltadas para os cuidadores informais de idosos, propondo uma prática educativa emancipatória à luz de Paulo Freire, que valorize respeite os valores culturais e os conhecimentos empíricos. Como proposta de prática educativa, pensada na perspectiva da liberdade do cuidador informal, pode-se desenvolver oficinas com vista a estimular a consciência crítica, ao mesmo tempo em que se oportuniza a troca de experiências e se estimula a autonomia.

Palavras-chave Cuidadores; Idoso; Papel do Profissional de Enfermagem

Caring for a dependent elderly involves complex and difficult tasks that can be aggravated by the caregiver's lack of training and information and that generate insecurity and fears. This situation can damage the elderly's care and it confirms the need for nursing actions that might improve the caregiver's coping skills, through educational practices. This study contemplates the current practices in health education regarding the elderly informal caregiving and aims to propose an emancipatory educational practice, based on Paulo Freire's model that values and respects cultural values and empirical knowledge. We propose an educational practice grounded in the perspective of the informal caregiver's autonomy, for instance the organization of workshops aiming to stimulate critical conscience and the exchanging of experiences.

Keywords Caregivers; Elderly People; Nurse's Role

19 - Reflexões acerca da reforma psiquiátrica e a (re)construção de políticas públicas

Reflections on the psychiatric reform and the (re) construction of public policies

Angélica Mota Marinho; Álissan Karine Lima Martins; Helder de Pádua Lima; Ângela Maria Alves e Souza; Violante Augusta Batista Braga

REME - Rev Min Enferm.; 15(1):141-147, Jan/Out, 2011

Trata-se de estudo reflexivo, realizado por meio da análise de 32 artigos científicos nos bancos de dados LILACS e MEDLINE. O objetivo foi descrever as contribuições dadas pela Reforma Psiquiátrica e a Política Nacional de Saúde Mental aos saberes e práticas existentes, bem como discutir os progressos e impasses evidenciados na articulação dos serviços de saúde e na interdisciplinaridade das ações das equipes multiprofissionais. Constataram-se avanços na construção de novas redes de serviços e na promoção de práticas pautadas pelos preceitos da Reforma. No entanto, deparou-se com entraves de cunho político-administrativo e econômico, pertinentes à formação do corpo de profissionais envolvidos na área. Mesmo diante de várias dissonâncias, o estudo foi direcionado para questões e experiências que corroboram preceitos da Reforma Psiquiátrica brasileira, podendo servir de reflexão quanto à continuidade da (re)construção do saber-fazer em saúde mental.

Palavras-chave Políticas Públicas de Saúde; Reformas dos Serviços de Saúde; Saúde Mental

This is a reflexive study based on the analysis of 32 papers found in LILACS and MEDLINE databases. It aims to describe the contributions of the Psychiatric Reform and the National Mental Health Policies to the knowledge and existent practices, and to discuss the progresses and impasses evidenced in the articulation of health services and in the interdisciplinarity of the multiprofessional teams' actions. There were advances in the construction of new services network and in the promotion of practices based on the reform principles. However, such achievements faced political-administrative and economic obstacles as well as others referent to the formation of the body of professionals involved in the area. Even though there are several dissonances, the study was directed to subjects and experiences that corroborate the Brazilian Psychiatric Reform precepts and it may work as an on-going reflection on the (re) construction of knowledge/ practice in mental health.

Keywords Public Health Policies; Health Services Reform; Mental Health

Logo REME

Logo CC BY
Todo o conteúdo da revista
está licenciado pela Creative
Commons Licence CC BY 4.0

GN1 - Sistemas e Publicações